Você não é obrigada a nada

AFP

Quando eu estava grávida, torcia pra que não fosse uma menina. Eu tinha medo de ter uma filha e ela crescer me detestando, de passarmos a vida inteira brigadas, de ela me achar ridícula e querer ir embora para longe. Eu torcia pra não ser uma menina porque não sabia lidar com menina nenhuma, nem […]

Leia Mais

É complicado lidar com a Folha

Jorge Araújo/Folhapress

Essa semana, o presidente da República Jair Bolsonaro chamou a Folha de “panfleto ordinário”. Disse que, por aqui, a gente desce “às profundezas do esgoto” para atender às “causas dos canalhas”. Já são dez meses de governo, e essa não é a primeira vez que ele faz isso, de distribuir chutes e tapas quando o jornal publica […]

Leia Mais

A ioga me deixou de quatro

Leandro Bugni/Folhapress

Estou de cabeça para baixo, a bunda para o céu e as mãos espalmadas no chão, com os pés plantados em um tapete de borracha que me custou R$ 130. Uma gota de suor ligeira vem traçando rota entre os fios de cabelo, da nuca à testa, e explode em uma das ranhuras ao lado […]

Leia Mais

Ágatha e os contêineres

Reprodução/Instagram

Sentada no colo da mãe, em um banco inteiriço da kombi branca, Ágatha desfrutou de seu último invólucro antes de morrer com um tiro de fuzil nas costas. Agora, passam por perícia o veículo e seu motorista – afinal, é preciso descobrir como foi perfurada toda a proteção de um abrigo supostamente seguro, que transportava […]

Leia Mais

Sou mãe, desculpa aí

Eduardo Knapp/Folhapress

O motorzinho esguicha fragmentos de dente e água por um perímetro que vai muito além da boca. Dr. Henrique enxuga tudo com uma gaze, enquanto me questiono por que caprichei na maquiagem. Agora só há base em metade da cara, e eu vou ter que ir assim mesmo para a reunião da escola. Na escala […]

Leia Mais

Dá-se um jeito

Danilo Verpa/Folhapress

Quando isso tudo aqui ainda era mato, e nada estava definido, eles disseram pra gente que aquele era o único jeito que havia. Não tinha mais nenhum outro jeito, concluíram brilhantemente, e, diante disso tudo, a gente ia ter que achar um novo jeito. Pois acharam. O jeito foi dar uma cambalhota pro abismo, segurando […]

Leia Mais

O mito do dedo podre

Carlos Reisser Junior/Divulgação

Eu tenho uma amiga, que tem uma cunhada, cuja vizinha era prima de uma conhecida de uma moça que, nossa senhora, só se relacionava com homem merda. Essa mulher, coitada, entrava e saía de namoros que, por mais que parecessem bonitinhos no começo, acabavam com ela arrasada na cama, chorando a decepção e a rejeição […]

Leia Mais

Desculpa mandar áudio

Dado Ruvic-29.mar.2018 / Reuters

Só Deus sabe o quanto eu já xinguei família e amigos a cada áudio de WhatsApp recebido. Não pelo áudio em si, porque aprendi a enxergar as vantagens desse tipo de comunicação, mas, sim, por causa do prólogo que vem sempre acompanhado dele. “Oi, Má, desculpa mandar áudio, é que eu estou fazendo alguma outra […]

Leia Mais

Pena que eu não sou assinante

Luiza Pannunzio/Folhapress

A caixa do supermercado foi passando as compras, pouco volume, só três litros de leite, duas frutas, pão, tomates e Listerine. Deu R$ 29,90, senhora, e tive que lamentar. Poxa, moça, eu queria muito, muito mesmo, comer essas coisas e enxaguar minha boca depois, mas eu não sou cliente da sua loja, então vou ter […]

Leia Mais

Para que serve um pai herói?

Divulgação

Meu pai nunca foi meu herói. Na dicotomia de que às vezes são feitas as relações humanas, era mais provável que eu o encaixasse no papel de vilão do que no de salvador da pátria. Explosivo, insensível, grosseiro. Foram tantos os jeitos que encontrei de reduzi-lo aos seus conhecidos desvios de personalidade, que, por muito […]

Leia Mais